University of Southern Denmark
Portuguese -> Games -> Paintbox Game  Visual Interactive Syntax Learning  
 
Portuguese VISLSentence AnalysisEdutainmentCorporaDictionariesMachine Translation

Printer-friendly version

 

The Paintbox Game

Browse the sentences: Pre-analyzed sentence
Automatic parse
general: intro, constituents
groups: group form and group level function, noun phrases (np)
adpositional phrases (ap)
prepositional phrases (pp)
clause level function: arguments, adjuncts, complements, syntactic vs. semantic function, subordination, verbal constituents
clause form: clause types, finite (fcl), non-finite (icl), averbal (acl), ACI/causatives
other: coordination, comparative constructions, utterance function, mixed exercises, topic and focus
running text: news magazine samples

TEXT BOOK SENTENCES

section: 1. Introduction (passive inspection only)  <--


  T1-1 Hipopótamo não come peixe.
  T1-2 Chove.
  T1-3 A tartaruga nada.
  T1-4 Chegou um cliente.
  T1-5 A criança bebe leite.
  T1-6 Deu-lhe um presente.
  T1-7 A sua namorada está grávida.
  T1-8 Encontrou o país transformado.
  T1-9 O Rio de Janeiro se tornou um palco de desgraças.
  T1-10 Não acredito que hipopótamo coma peixe.
  N1-1 O meu pai é doente.
  N1-2 O cão ladra.
  N1-3 Eu vi.
  N1-4 Ele confessou.
  N1-5 O bébé sonha.
  N1-6 O homen tem pesadelos.
  N1-7 Todos quiseram.
  N1-8 Leio o jornal.
  N1-9 Perdi o comboio.
  N1-10 Não acho esse país democrático.
  N1-11 Houve um acidente muito grave.

section: 2. The notion of constituent (passive inspection only) <-- 


  T2-1 O governo Cardoso crescia com a crise.
  T2-2 Nunca come carne de boi.
  T2-3 De noite, passeava ao longo do rio.
  T2-4 Iniciou uma guerra contra a corrupção.
  T2-5 Era um rei sem país .
  T2-6 Sem dizer nada, partiu.
  T2-7 Prometeram-lhe mais um presente.
  T2-8 Na época do Titanic, ela era muito bonita.
  T2-9 Está falando com um cliente.
  T2-10 Mora numa favela.
  T2-11 O estado de Minas Gerais era muito rico em ouro.
  T2-12 No domingo 6.200.000 hinduístas demoliram uma mesquita na cidade de Ayodhya, no norte da Índia.
  N2-1 Chovia todas as noites.
  N2-2 Ela é muito inteligente.
  N2-3 Deu-lhe um bolo.
  N2-4 A neve cai no campo.
  N2-5 O cão fugiu.
  N2-6 Ela perdeu.
  N2-7 Todos quiseram.
  N2-8 O pedro ri
  N2-9 Faço anos hoje.
  N2-10 O bébé chora.
  N2-11 Tem cuidado.
  N2-12 O novo Presidente fez muitas promessas no programa de ontem.
  N2-13 O Pai Natal trouxe este presente para mim, no ano passado.
  N2-14 Todos os domingos, milhares de portugueses vão à missa, nas numerosas igrejas dos país.

section: 3.1. Clause level arguments  <--


  T3.1-1 Ninguém gosta de chuva.
  T3.1-2 Retomar o contrôle foi difícil.
  T3.1-3 No seu sonho, a cidade era toda de vidro.
  T3.1-4 Liga a luz!
  T3.1-5 Para combater as doenças do inverno, coma vitaminas!
  T3.1-6 Não tem onde morar.
  T3.1-7 Sempre come um monte de folhas.
  T3.1-8 Lhe dou um presente.
  T3.1-9 Empreste-me a sua caneta, por favor!
  T3.1-10 Me mostre seu hipopótamo!
  T3.1-11 Não me lembro dele.
  T3.1-12 Falamos sobre a sua proposta.
  T3.1-13 Não sabe de nada.
  T3.1-14 Pode contar comigo.
  T3.1-15 Chamamos de objeto preposicional complementos indiretos não substituíveis por pronomes adverbiais.
  T3.1-16 Durava muito tempo.
  T3.1-17 A jarra caiu no chão.
  T3.1-18 Não mora mais aqui.
  T3.1-19 Mora em São Paulo.
  T3.1-20 Voltamos ao nosso assunto.
  T3.1-21 Mandaram-nos para Londres.
  T3.1-22 Costuma custar mais de mil coroas.
  T3.1-23 Está doente.
  T3.1-24 Está com febre.
  T3.1-25 A moça parece muito cansada.
  T3.1-26 O acho muito chato.
  U3.1-1 Maria dormia.
  U3.1-2 Trouxe um amigo.
  U3.1-3 Gosta de vinho.
  U3.1-4 Lhe ajuda.
  U3.1-5 Viajará para Londres.
  U3.1-6 Pôs a metralhadora na mesa.
  U3.1-7 Parece louco.
  U3.1-8 O elegeram presidente.
  U3.1-9 Vai para Florianópolis.
  U3.1-10 Durava muito tempo.
  U3.1-11 Nadarmos regularmente seria bom para a nossa saúde.
  U3.1-12 Temia que não o conseguisse.
  U3.1-13 Quis saber quando voltaria o professor.
  N3.1-1 Fumar é perigoso para a saúde.
  N3.1-2 As crianças comem um gelado.
  N3.1-3 Ele responde à pergunta.
  N3.1-4 Pediram desculpa.
  N3.1-5 Saberemos, na segunda-feira, os resultados dos exames.
  N3.1-6 Os meus pais venderam a minha casa, na semana passada.
  N3.1-7 Batem à porta com violência.
  N3.1-8 Dou o biberão ao bébé.

section: 3.2. Clause level adjuncts  <--


  T3.2-1 Fale mais devagar, por favor!
  T3.2-2 Sempre comiam cedo.
  T3.2-3 As crianças brincavam no parque.
  T3.2-4 Entraram na vila quando amanheceu.
  T3.2-5 No outro dia fugiu do zôo um hipopótamo.
  T3.2-6 Sempre nada nua.
  T3.2-7 Andava zangado todo dia.
  T3.2-8 Cansado, se retirou.
  T3.2-9 Era o herói do dia e foi elogiado pelo chefe do jardim zoológico.
  T3.2-10 Morreu o cachorro da velha, o que muito a entristece.
  T3.2-11 Me ajuda, Pedro!
  T3.2-12 Ela andava muito assustada ultimamente.
  U3.2-1 Trabalha no Rio.
  U3.2-2 Chegou no país depois da guerra.
  U3.2-3 Se tornou rico.
  U3.2-4 Ela surpreendeu-o com outra mulher.
  U3.2-5 Ele surpreendeu-a com outra mulher.
  U3.2-6 Morreu jovem.
  U3.2-7 Veio de Portugal para o Brasil.
  U3.2-8 Mandou a filha de Portugal para o Brasil no barco do rei.
  U3.2-9 Apaixonado pela princesa, lhe comprou um diadema enorme.
  U3.2-10 Lhe contou tudo.
  U3.2-11 Tristemente para ela, morreu o cachorro da velha.
  U3.2-12 Cala a boca, Mário!
  U3.2-13 Salve-me, meu Deus!
  U3.2-14 Desliga, amor, que tem gente na linha!
  U3.2-15 Foi convidado pelos sogros pela primeira vez.
  U3.2-16 O outro dia, foi chamado de comunista.
  U3.2-17 Os presentes foram postos na mesa.
  N3.2-1 O polícia corre depressa atraz do ladrão.
  N3.2-2 Maria prepara o jantar sozinha.

Complements (Predicatives)  <--


  T3.2-13 Achei um livro interessante.
  T3.2-14 Este livro parece interessante.
  T3.2-15 Achei o livro bem interessante.
  T3.2-16 Achei o livro na última hora.
  T3.2-17 Achei o livro na mala.
  T3.2-18 O livro caiu.
  T3.2-19 O livro caiu no chão.
  T3.2-20 Elena nadava.
  T3.2-21 Elena nadava no mar.
  T3.2-22 Elena nadava nua no mar.

section: 3.3. Syntactic function vs. semantic function  <--


  U3.3-1 As crianças brincavam.
  U3.3-2 Foi morto por um assassino.
  U3.3-3 A princesa caiu da torre.
  U3.3-4 A princesa beijou a pequena rã.
  U3.3-5 O guarda ouviu um grito.
  U3.3-6 Lhe deu um presente de Natal.
  U3.3-7 A bala rompeu o vidro.
  U3.3-8 Foi ferido por sete balas.
  U3.3-9 Finalmente, encontrou a carta na mala.
  U3.3-10 Viajaram para Londres.
  U3.3-11 Vem de família rica.
  U3.3-12 Deu um presente de Natal à namorada.
  U3.3-13 Não ama mais a mim.
  U3.3-14 O homem a quem amava desapareceu na guerra.
  U3.3-15 Com a lua subindo no céu, eles se banharam num mar de prata.
  U3.3-16 Os dois se detestam um ao outro.
  U3.3-17 Hector tornou-se um verdadeiro Robin Hood, defensor dos pobres.
  U3.3-18 Trata-se de um livro que li o outro dia.
  U3.3-19 Entre a Dinamarca e a Suécia, seconstrói uma ponte gigantesca.
  U3.3-20 Cobram-se mensalidades altíssimas.
  U3.3-21 Celebrou-se o fim do ano com toda animação.
  U3.3-22 Jamais se soube como fugiram do forte.
  U3.3-23 Está-se diante de uma crise econômica mundial.
  U3.3-24 Compra-se casas.
  U3.3-25 Carina se permitiu mais um dia na cama.
  U3.3-26 O governo constrói uma ponte.
  U3.3-27 O governo cobra altas mensalidades.
  U3.3-28 O governo celebra o novo ano.
  U3.3-29 Uma ponte é construída.
  U3.3-30 Altas mensalidades são cobradas.
  U3.3-31 O novo ano é celebrado.
  N3.3-1 Pedro empreste me raramente as suas notas.

section: 4. Subordination  <--


  T4-1 Acho que um jardim zoológico sem hipopótamos não merece subsídios.
  T4-2 Esta fofoqueira fala como uma cachoeira.
  T4-3 Trabalha como guia.
  T4-4 Voltou a molestá-la no escritório.
  T4-5 Você acabou de entrar na Home Page da universidade de Århus.
  T4-6 Hipopótamo tem que dormir muito.
  T4-7 Quando em Roma, faça como os romanos.
  U4-1 Não acredito que seja verdade .
  U4-2 Aproveite quem quiser.
  U4-3 Ajudou onde possível.
  U4-4 Embora jovem já sabia muito.
  U4-5 Não tem onde dormir.
  U4-6 Sei como adquirir outra.
  U4-7 Vou convidá-la, embora seja desconhecida e não mereça muita atenção.
  U4-8 Quando em Roma, faça como fazem os romanos.
  U4-9 Trabalha como um escravo.
  U4-10 Propus o velho funcionário como coordenador do projeto.
  U4-11 Trabalha de guia.
  U4-12 Teme que chova no dia da festa.
  U4-13 Era sua a proposta de levar um processo.
  U4-14 Açúcar era impossível de adquirir.
  U4-15 Hesitava antes de lhe contar tudo.
  N4-1 Acho que é uma boa ideia.
  N4-2 Come como um elefante.
  N4-3 Diz que é feliz.
  N4-4 Diz que vem.
  N4-5 O país onde mora é pobre.
  N4-6 O professor quer que o aluno trabalhe.
  N4-7 Os livros que me deste são interessantes.
  N4-8 Compraria livros mais frequentemente, se fossem mais barato.
  N4-9 O boneco que gostas é meu.
  N4-10 O cão que ladra é feio.
  N4-11 O café onde vais é barulhoso.
  N4-12 A criança, a quem dei um boneco, chama-se João.
  N4-13 O cão com que passeaste é muito perigoso.
  N4-14 O homem com quem vives é um criminoso procurado pela polícia.
  N4-15 As acusações segundo as quais as eleições foram fraudulentas são graves.

section: 5. The function of verbal constituents  <--


  T5-1 Hipopótamo come folhas.
  T5-2 Hipopótamo tem que dormir muito.
  T5-3 Bebe muita cerveja.
  T5-4 Todo dia mandava o filho comprar leite.
  T5-5 Hipopótamo tem que dormir muito.
  T5-6 A interface foi feita por uma equipe da Winsoft.
  T5-7 Estou lendo um romance português.
  T5-8 O navio estava pintado de ouro.
  T5-9 O navio foi enchido de ouro.
  T5-10 Vêm de nos fazer uma oferta incrível.
  U5-1 O hipopótamo dormia.
  U5-2 Planejava viajar para Portugal.
  U5-3 Deixa!
  U5-4 Carmem era feliz.
  U5-5 Chovia.
  U5-6 Bateu no cachorro.
  U5-7 Recentemente, tem chovido muito.
  U5-8 Foi reprovada por não lhe ter ajudado.
  U5-9 Vou lhe fazer uma proposta.
  U5-10 Gosta de nadar no mar de noite.
  U5-11 Vem de nadar no mar de noite.
  U5-12 Quer comprar um novo carro.
  U5-13 Temos que admitir a sua inocência.
  N5-1 Pedro era considerado um homem de alta confiança.
  N5-2 Sempre gostavam de ir ao cinema durante os fins de semana.
  N5-3 O presidente teve que admitir que as eleições tinham sido fraudulentas. 4
  N5-4 A proposta de recomençar tudo de novo foi aceita por tudo o mundo.

section: 6.0. Group forms and group level constituent function  <--


  T6.1-1 Era um homem como outro qualquer.
  T6.1-2 A velha avó dormia na rede.
  T6.1-3 Vou fazê-lo eu mesmo.
  T6.1-4 O seu nome era Mário Moreno dos Santos.
  T6.1-5 As árvores no jardim eram muito velhas.
  T6.1-6 Foi um presidente um pouco iconoclasta.
  T6.1-7 Nesta saia, parece mais jovem do que as amigas.
  T6.1-8 Costuma falar muito devagar.
  T6.1-9 Ainda hoje vivem de caça e pesca.
  T6.1-10 Era muito mais vinho do que imaginava.
  T6.1-11 Ele continua mexendo nas tarefas dos outros.
  T6.1-12 Vem de lhes propor um acordo.
  T6.1-13 Temos que lhe dar mais dinheiro.
  T6.1-14 Abriu a janela da sala.
  T6.1-15 Gostou do que viu.
  T6.1-16 Mudamos para São Paulo.


  T6.2-1 uma grande árvore
  T6.2-2 sem dinheiro
  T6.2-3 devagar demais
  T6.2-4 o seu grande carro novo
  T6.2-5 a mulher do amigo
  T6.2-6 um tanto
  T6.2-7 cacique Jerônimo
  T6.2-8 Manoel Neto da Silva
  T6.2-9 a proposta de lhe ajudar
  T6.2-10 Combinaram a venda da casa.
  T6.2-11 predisposição para diabete
  T6.2-12 O grande cacique, Jerônimo, conhecia o seu país como mais ninguém.
  T6.2-13 Jerônimo, um grande cacique, temia ninguém.
  T6.2-14 com a mão na bolsa
  T6.2-15 muito devagar
  T6.2-16 incrivelmente brilhante
  T6.2-17 rico em ouro
  T6.2-18 receoso de lhe ter ofendido
  T6.2-19 É mais linda do que uma hipopótama.
  T6.2-20 sem dinheiro nenhum
  T6.2-21 quase sem dinheiro
  T6.2-22 Comprada em Londres, a pintura parecia autêntica.
  T6.2-23 Os lusíadas conheceram um mar nunca antes navegado.
  T6.2-24 O processo contra mim movido foi injusto.
  T6.2-25 Referiu-se a um artigo publicado neste ano na revista VEJA.

section: 6.1. Noun phrases (np)  <--


  U6.1-1 o senhor Manoel Bento Neto.
  U6.1-2 o senhor presidente.
  U6.1-3 o escritor brasileiro Aníbal Machado.
  U6.1-4 Mário Bandeira da Holândia.
  U6.1-5 o guia Quatro Rodas.
  U6.1-6 A proposta de recomeçarmos o outro dia.
  U6.1-7 A viagem do Rio para São Paulo foi muito agradável.
  U6.1-8 A publicação, na revista VEJA, de um artigo sobre SIDA, iniciou uma série de outros.
  U6.1-9 A proclamação da república, pelo chefe do exército, não chegou a surpreender o velho monarca.
  U6.1-10 Para amanhã, leia capítulo 7, se tiver tempo!
  U6.1-11 Dê atenção às páginas 8-12!
  U6.1-12 No século vinte, a espécie humana decolou da terra.
  U6.1-13 O contrato foi realizado no dia 5 de julho 1998.
  U6.1-14 Ninguém se lembra do rei Alfonso III.
  U6.1-15 O maior poeta lusófono, Camões, vivia uma vida aventurosa.
  U6.1-16 O hipopótamo, contente com a vida, dormia na água.
  U6.1-17 Contente com a vida, o hipopótamo dormia na água.
  U6.1-18 Até o pai da moça não tinha ouvido nada.
  U6.1-19 Nem Pedro estaria contente com só isso.
  N6.1-1 O grande elefante tem fome.
  N6.1-2 Paris é uma grande cidade.
  N6.1-3 Muito dinheiro.
  N6.1-4 O meu filho tem um lindo casaco novo.
  N6.1-5 Este cinema tem muitas salas.
  N6.1-6 O pequeno bébé bebe um grande copo de leite.
  N6.1-7 Um bom aluno.
  N6.1-8 Um livro interessante.
  N6.1-9 O sol perigoso.
  N6.1-10 Uma história sem consequências.
  N6.1-11 O bonito príncipe.
  N6.1-12 Um rico homem de negócio.

section: 6.2. Adpositional phrases (ap)  <--


  U6.2-1 Corria mais depressa ainda.
  U6.2-2 Sua palestra foi academicamente verbosa.
  U6.2-3 Já morto há cinco anos, o herói da revolução se tinha tornado num ídolo nacional.
  U6.2-4 Ao menos aqui, na tranqüilidade de uma sociedade pequena e fechada, não existem mais mares nunca antes navegados.
  U6.2-5 Nos testes apressadamente corrigidos, metade da turma chumbou.
  U6.2-6 Em 1997, dinheiro investido em ações foi um bom negócio.
  U6.2-7 As medidas anunciadas pela fabricante de eletrodomésticos Westinghouse há duas semanas não convenceram a bolsa em Nova Iorque.
  U6.2-8 Era cheio de luxo.
  U6.2-9 Relativamente à lei, não tinha problema.
  U6.2-10 Pagou tudo, inclusive a viagem.
  U6.2-11 Pagou inclusive a viagem.
  N6.2-1 Ela é muito gorda.
  N6.2-2 Um bébé sempre quieto.
  N6.2-3 Nada rico.
  N6.2-4 Sempre contente.
  N6.2-5 Muito sozinho.
  N6.2-6 Muito bom!
  N6.2-7 És esperto demais.
  N6.2-8 É fácil demais sempre dar a culpa aos outros.
  N6.2-9 É tarde demais para mudar de ideia.

section: 6.3. Prepositional phrases (pp)  <--


  U6.3-1 Passeava com a mãe.
  U6.3-2 Discutiram sobre você.
  U6.3-3 Preparou-se para a palestra que ia dar o outro dia.
  U6.3-4 Gostava de ler na cama.
  U6.3-5 Andava com medo de magoá-la.
  U6.3-6 Ainda com a energia da juventude, lançou-se à tarefa enorme.
  U6.3-7 Muito sem querer, foi nomeado pelo partido.
  U6.3-8 Não bate no pobre cachorro!
  U6.3-9 Mandaram-no para a Índia.
  U6.3-10 Sem mais nada, venderam a velha casa, sede da família durante séculos.
  U6.3-11 Lhe deu uma coroa com oitenta jóias.
  U6.3-12 Era grande de corpo e coração.
  U6.3-13 Era legendária a sua capacidade de transformar em ouro o que tocava.
  U6.3-14 Escolheu uma senha quase impossível de lembrar.
  U6.3-15 Com setenta anos, não queria mais trabalhar.
  U6.3-16 Está com febre.
  U6.3-17 Mário Goncalves, de Pernambuco, mantém que até tocou num extraterrestre.
  U6.3-18 Foi surpreendido com o rostro na caixa pública.
  U6.3-19 Foram fotografados com todo mundo já seminu.
  U6.3-20 Sem ela para ajudar não conseguiu nada mais.
  U6.3-21 Foram tão poucos os comunistas no país que nem conseguiram lançar um partido.
  U6.3-22 Agora, a casa era inteiramente sua.
  U6.3-23 Ela mesma vai chefiar a delegação, e nem você pode impedi-la nisso.
  N6.3-1 O livro do João.
  N6.3-2 Dentro de casa.
  N6.3-3 A casa de minha amiga.
  N6.3-4 De manhã.
  N6.3-5 O livro de português.
  N6.3-6 Um copo de leite.
  N6.3-7 No verão.
  N6.3-8 Vamos ao cinema.
  N6.3-9 Sou de joelhos.
  N6.3-10 No verão, vamos à praia de carro.

section: 7.0. Clause types  <--


  U7.0-1 Chegou.
  U7.0-2 Chove.
  U7.0-3 Começamos!
  U7.0-4 Coma!
  U7.0-5 Foi vencido.
  U7.0-6 Pôs a arma no chão.
  U7.0-7 Chamou o projeto uma desgraça.
  U7.0-8 Bebe o chá quente!
  T7.0-1 Não acredito que seja verdade.
  T7.0-2 Consertar um relógio não pode ser fácil.
  T7.0-3 Ajudou onde possível.
  N7.0-1 Estou com fome.
  N7.0-2 Gatos não gostam de cães!
  N7.0-3 Ir ao cinema é engraçado.
  N7.0-4 Gosta de ir ao cinema.
  N7.0-5 Anda!
  N7.0-6 A solução foi achada.
  N7.0-7 Acreditar em Deus é facil afirmar.
  N7.0-8 Comer muitos legumes é aconselhado pelos médicos.
  N7.0-9 Ter confiança nos outros é importante.
  N7.0-10 Não acreditava que fosse possível encontrar um remédio contra a Sida.

section: 7.1. Finite subclauses  <--


  U7.1-1 A noiva não acreditava que ele a amasse.
  U7.1-2 Quis saber quando voltaríamos.
  U7.1-3 O professor, que já não suportava o calor, terminou a aula cedo.
  N7.1-1 Acho que ele é feliz.
  N7.1-2 O cão que morreu era velho
  N7.1-3 Os livros que tem são interessantes.
  N7.1-4 A carta que recebi trouxe boas notícias.
  N7.1-5 Quero que tudo corra bem.
  N7.1-6 O livro que me deste era chato.
  N7.1-7 Quando chegaste, eu estava doente.
  N7.1-8 O cão que vem é perigoso.
  N7.1-9 A cidade onde moro é pequena.
  N7.1-10 Se quiseres emagrecer, não coma tanto!
  N7.1-11 O professor, que está doente, é muito duro.
  N7.1-12 Quando chegares, telefona-me.
  N7.1-13 Gosto quando a minha mãe conta histórias.

section: 7.1.1. Substantival subclauses  <--


  T7.1.1-1 Quem cedo madruga muito consegue.
  T7.1.1-2 Nem lhe parece estranho que o Pedro tenha comprado o sítio.
  T7.1.1-3 Molesta quem aparecer.
  T7.1.1-4 Seja quem for, manda-o embora!
  T7.1.1-5 Mostrava a pedra a quem quisesse ver.
  T7.1.1-6 Só foi avisado depois que o seu jatinho levantou vôo.
  T7.1.1-7 Soube que foi o único candidato.
  T7.1.1-8 Quis saber quem lhe mandara o presente.
  T7.1.1-9 O pai não veio para o aniversário dele, o que não o surpreendeu.
  N7.1.1-1 Diz que é inteligente.

section: 7.1.2. Adjectival subclauses  <--


  T7.1.2-1 O homem que encontrei ontem
  T7.1.2-2 A amiga com a qual apareceu na festa
  T7.1.2-3 O ano quando se casaram
  T7.1.2-4 A proposta para que ele venha trabalhar aqui não me parece realística.
  N7.1.2-1 O hospital onde nasci é velho.

section: 7.1.3. Adverbial subclauses  <--


  T7.1.3-1 João não fez nada para que ela voltasse.
  T7.1.3-2 Entraram na vila quando amanheceu.
  T7.1.3-3 Desliga, amor, que tem gente na linha!
  T7.1.3-4 Faz como quiseres!
  T7.1.3-5 O avô mora onde o mato começa.
  T7.1.3-6 Só foi avisado depois que o seu jatinho levantou vôo.
  T7.1.3-7 Não sei quando ele chegou.

section: 7.2. Non-finite subclauses  <--

section: 7.2.1. Infinitive subclauses  <--


  T7.2.1-1 Retomar o controle foi difícil.
  T7.2.1-2 Manda a filha comprar pão.
  T7.2.1-3 Viu o marido bater na mulher.
  T7.2.1-4 Não tem onde morar.
  T7.2.1-5 O problema era acabar com os bandidos.
  T7.2.1-6 A idéia de comprar outro carro não era nova.
  T7.2.1-7 Fez a pergunta de onde abrir banca.
  T7.2.1-8 Era uma proposta difícil de entender.
  T7.2.1-9 Para lhe ajudar, propôs outra solução.
  T7.2.1-10 Gostava muito de passear ao longo do rio.
  T7.2.1-11 Tê-lo feito de propósito o faz um delito.
  N7.2.1-1 Afirma ser feliz.

section: 7.2.2. Gerund subclauses  <--


  T7.2.2-1 Falando do João, não quero convidá-lo.
  T7.2.2-2 Tem gente morrendo de fome no Brasil.
  T7.2.2-3 Tem o motorista esperando.
  U7.2.2-1 O novo governo acabou com a política isolacionista do anterior, abrindo o mercado brasileiro para empresas multinacionais.
  U7.2.2-2 falando do João, não quero convidá-lo.
  U7.2.2-3 Como imaginá-lo partilhando à vera a administração com outros?
  U7.2.2-4 Lançaram a novela com um ator étnico estrelando.
  U7.2.2-5 Com a Guarda Civil patrulhando a cidade, não tinha onde se esconder.

section: 7.2.3. Participle subclauses  <--


  T7.2.3-1 Feito o trabalho temos tempo para uma cerveja.
  T7.2.3-2 E arrancada a chave do cofre, sumiu na mata.
  U7.2.3-1 Era um ator geralmente muito apreciado pelo povo.
  U7.2.3-2 Os médicos tiveram que fazer uma operação chamada cesariana.
  U7.2.3-3 Ultimamente, tem trabalhado dia e noite.
  U7.2.3-4 Uma hipopótama branca foi vista por um turista.
  U7.2.3-5 Sumido o bandido na mata, as vítimas se consolaram.
  U7.2.3-6 O bandido sumiu na mata, e as vítimas se consolaram.
  U7.2.3-7 Pintados os sete quadros, o grande mestre se retirou.
  U7.2.3-8 Pintada no século quinze, a obra era opulenta e cheia de formas redondas.

section: 7.3. Averbal subclauses  <--


  T7.3-1 Bebe o chá quando quente!
  T7.3-2 Quando jovem, Inocêncio integrou a corrente política Ação Popular.
  T7.3-3 Como sempre, só concorreram candidatos filiados ao Partido Comunista.
  T7.3-4 Tiveram de enfrentar a concorrência de similares estrangeiros, se bem que associados à tecnologia daqui.
  T7.3-5 O rock vende entre os roqueiros assim como o jazz entre os jazzófilos.
  T7.3-6 Segundo sua estimativa a natalidade caíu de 50% na época da industrialização.
  T7.3-7 Historiadores como os de hoje são bem mais políticos.
  T7.3-8 Ficou conhecido como um professor um tanto iconoclasta.
  T7.3-9 Será lembrado como o anjo do mato.
  T7.3-10 Conta tudo, embora pulando pedaços.
  T7.3-11 É mais fácil do que a gente recomeçar.
  U7.3-1 Quando doente, bebe vinho quente.
  U7.3-2 Embora doente, bebe vinho quente.
  U7.3-3 Embora morrendo, bebe vinho quente.
  U7.3-4 Embora morra, bebe vinho quente.
  U7.3-5 Mulheres como as de hoje não querem trabalhar em casa.
  U7.3-6 Com o bafo da onça nas costas, corria a mata.
  U7.3-7 Portugal aos portugueses!
  U7.3-8 Dez votos a menos!
  U7.3-9 Um russo em Chicago.

section: 7.4. ACI and causatives  <--


  T7.4-1 Do quarto, ouvi os outros saírem da casa.
  T7.4-2 O rei mandou chamar os assaltantes.
  T7.4-3 O rei mandou o delegado chamar os assaltantes.
  T7.4-4 O rei mandou entrar os assaltantes.
  U7.4-1 Deve contar tudo.
  U7.4-2 Julgo serem inocentes.
  U7.4-3 Vi-o bater na mulher.
  U7.4-4 Fizeram-nos trabalhar nas minas.
  U7.4-5 Permitiu-lhe usar o nome da empresa.
  U7.4-6 Vi-o com a mulher.
  U7.4-7 Deixaram-no sozinho.
  U7.4-8 Vi-a bater no marido.
  U7.4-9 Fizeram-nos trabalhar nas minas.
  U7.4-10 Fizeram-na famosa.
  U7.4-11 Deixaram-no sem comida.
  U7.4-12 O rei mandou um soldado chamar a rainha.
  U7.4-13 O rei mandou o soldado.
  U7.4-14 O rei mandou o soldado sem armas.
  U7.4-15 O rei mandou o soldado à rainha.
  U7.4-16 Os amigos vieram ajudar na colheita.
  U7.4-17 O rei mandou um soldado para que chamasse a rainha.
  U7.4-18 Permitiu-lhe usar o nome da empresa.
  U7.4-19 O rei mandou chamar a rainha.
  U7.4-20 Ouvi falar muito do senhor.
  U7.4-21 Proibiu viajar para o exterior.
  U7.4-22 O rei mandou entrar o soldado.
  U7.4-23 O rei o mandou entrar.
  U7.4-24 O rei o mandou chamar a rainha.
  N7.4-1 Vi o morrer.
  N7.4-2 Ouvi o marido gritar.
  N7.4-3 Vi o lobo comer a menina.

section: 8. Coordination  <--


  T8-1 Fugiram do zôo um hipopótamo e um crocodilo.
  T8-2 Ver Roma e viver a história era o seu sonho.
  T8-3 A cantiga dolente e rouca atirada aos ramos ressoava na noite.
  U8-1 Cobaias, coelhos e ratos são mamíferos como nós.
  U8-2 Chegou, viu, mas não venceu.
  U8-3 Lançaram uma revista de e sobre crianças.
  U8-4 Secas e guerras terríveis castigavam o Nordeste.
  U8-5 Tens razão - ou te matam ou te expulsam.
  U8-6 E leva teu irmão!
  U8-7 Chovia muito, e não queríamos sair.
  U8-8 Doou um milhão ao hospital e outro à Greenpeace.
  U8-9 A Ásia deve manter o seu nível de internacionalização e criar um mercado comum.
  U8-10 Se morássemos na África e tivéssemos dinheiro, te compraria um hipopotamozinho.
  U8-11 Não gosta de carne, mas de peixe.
  U8-12 Gosta não de carne, mas de peixe.
  N8-1 O gato e o cão são bons amigos.
  N8-3 Coleciono bonecos e brinquedos.
  N8-4 Chegou em casa e comeu o jantar.
  N8-5 O joão e o Pedro são os meus amigos.
  N8-6 Não sabe ler, mas não é estupido.
  N8-7 Cala-te e escuta o que tenho que dizer!
  N8-8 Catarina e Paulo vão ao cinema.
  N8-9 A campainha tocou e os alunos saíram da sala.
  N8-10 Quero fazer uma viajem mas não tenho muito dinheiro. N8-11 trouver autre
  N8-12 Esse aluno é muito inteligente, tem resultados ótimos.
  N8-13 Este menino e esta menina são irmãos.
  N8-15 O professor e os alunos chegaram.
  N8-16 Foi ao cinema e depois regressou à casa.
  N8-17 O espaço é grande e o homem é pequeno (Fernando Pessoa)

section: 9. Comparatives  <--


  T9-1 O filho é mais alto que o pai.
  T9-2 O filho é tão alto como o pai.
  T9-3 Não sou uma mulher como as que existem na terra.
  T9-4 Ele fala como ele pensa.
  T9-5 É tão avaro como rico.
  T9-6 Tinha menos dinheiro para gastar do que o seu irmão.
  T9-7 Bom que seja o rapaz não é nenhum santo.
  T9-8 Comeu tanta comida que nada sobrou para a irmã.
  T9-9 Ficou tal qual era antes.
  T9-10 Estamos nos tornando o mais pobre dos países urbanos industriais.
  T9-11 Por mais contraditório que pareça, o velho funcionário da VARIG não quis viajar de avião.
  T9-12 Na época, Londres já era uma cidade de não menos de 100.000 habitantes.
  T9-13 Trouxeram cerca de 10 bilhões de dólares, conforme se estima.
  T9-14 Foi descongelado como herói do empresariado.
  T9-15 Não és uma mulher como uma vaca.
  U9-1 O livro era menos chato do que o filme.
  U9-2 O livro é tão chato como o filme.
  U9-3 O livro parece melhor do que o filme.
  U9-4 O livro era tão chato como me disseste.
  U9-5 Parece mais cansado do que doente.
  U9-6 Na empresa do casal, investiu mais dinheiro do que o marido.
  U9-7 Na empresa do casal, investiu mais trabalho do que dinheiro.
  U9-8 Confia tanto em Deus como na previdência social.
  U9-9 Dormia mais no escritorio do que em casa.
  U9-10 Costumava esprimir-se em termos mais eruditos do que bem definidos.
  U9-11 Come mais milho do que peru.
  U9-12 Por mais estranho que pareça, esta filha de marinheiro não sabe nadar.
  U9-13 É a mais bonita de todas.
  U9-14 Aconteceu mais de 10 anos depois.
  U9-15 Vivem como os antigos romanos.
  U9-16 Segundo ele pode viajar amanhã mesmo.
  U9-17 Canta tão bem como um rouxinol.
  U9-18 Canta tão bem que choram os rouxinóis.
  N9-1 Nada como uma tartaruga.
  N9-2 Come como um elefante.

section: 10. Utterance function  <--


  T10-1 Não faz nada.
  T10-2 Já vais embora?
  T10-3 Espera!
  T10-4 Pobre de mim!
  T10-5 A terra é redonda.
  T10-6 Gosta muito de elefantes.
  T10-7 Sua vez.
  T10-8 Às sete.
  T10-9 Obrigado.
  T10-10 Quem quer uma cerveja?
  T10-11 Já ligou para o ministério?
  T10-12 Quando?
  T10-13 Pára com isso!
  T10-14 Venha pra cá!
  T10-15 Fora!
  T10-16 Deus!
  T10-17 Que beleza!
  T10-18 Quanta gente!
  U10-1 Não ajuda.
  U10-2 Quem te ajudou?
  U10-3 Puxa!
  U10-4 Cala a boca!
  U10-5 Ela é a maior fofoqueira da cidade, sabe?
  U10-6 Pode entrar.
  U10-7 Pensei, se não fosse inoportuno, em você me acompanhar.
  U10-8 Ah, mas que coisa linda, quem imaginava!

Mixed exercises  <--


  T11-1 O lugar era maravilhoso.
  T11-2 Mário, o chefe dos guardas, me apresentou a alguns dos compradores.
  T11-3 Gostei deles.
  T11-4 E quase todos tinham se decidido pelo lugar por causa da segurança.
  T11-5 As casas eram sólidas e bonitas.
  T11-6 Vimos a majestosa figueira que dava nome ao condomínio.
  T11-7 A festa não agradou à minha mulher.
  T11-8 Quem nos recebeu naquela visita e na seguinte foi o chefe deles.
  T11-9 Todos os dias sabíamos de alguém roubado.
  T11-10 Tínhamos de procurar um lugar seguro.
  T11-11 Minha mulher ficou encantada com o Retiro da Figueira.
  T11-12 E eu acabava de ser promovido na firma.
  T11-13 Na minha firma, por exemplo, só eu o tinha recebido.
  T11-14 Mudamo-nos.
  T11-15 A vida lá era realmente um encanto.
  T11-16 Os guardas compareciam periodicamente à nossa casa para ver se estava tudo bem - sempre gentis, sempre sorridentes.
  T11-17 Uma manhã de domingo, muito cedo, soou a sirene de alarme.
  T11-18 O chefe dos guardas estava lá, ladeado por seus homens, todos armados de fuzis.
  T11-19 Fez-nos sentar, ofereceu café.
  T11-20 E quem vai cuidar das famílias de vocês?
  T11-21 Passávamos o tempo jogando cartas, passeando ou simplesmente não fazendo nada.
  T11-22 Alguns estavam até gostando.
  T11-23 Pode parecer presunção dizer isso agora, mas eu não estava gostando nada daquilo.
  T11-24 Corremos para lá.
  T11-25 Entrou no avião.
  T11-26 A porta se fechou, o avião decolou e sumiu.

section: 11. Topic and focus constructions <-- 


  U11-1 Na beira do rio, dormia um hipopótamo.
  U11-2 O hipopótamo estava contente e sonhava com uma bela hipopótama.
  U11-3 Hipopótamas eram raras na região, mas finalmente tinha encontrado uma.
  U11-4 Era muito bom isso.
  U11-5 Ela iria amansar a sua vida e lhe dar filhos fortes.
  U11-6 A pequena Maria passeava na mata.
  U11-7 De repente, um lobo comeu a menina.
  U11-8 Era de carne que gostava mais.
  U11-9 Foi um pássaro que morreu.
  U11-10 Fui eu que o fiz.
  U11-11 Será amanhã que vamos saber a resposta dele.
  U11-12 Não de carne gostava, mas de peixe.
  U11-13 Come até rã.
  U11-14 Ainda hoje vamos saber a resposta.
  U11-15 Hoje mesmo acabará.
  U11-16 Comeu foi o peru inteiro.
  U11-17 Gosta é de briga.
  U11-18 Não tem que comer carne.
  U11-19 O seu carro vendeu para o vizinho.
  U11-20 Para o vizinho, vendeu o seu carro.
  U11-21 A princesa, sonhava com ela cada noite.
  U11-22 À filha, prometeu-lhe um cavalo.
  U11-23 Aos inimigos, matou-os todos.
  U11-24 A dinheirama, ganhou-a no jogo do bicho.

 


In order to continue using the Java applets, see Verify Java Version and Download Java.
We are actively working on replacing all our Java with portable HTML5.


Copyright 1996-2018 | Report a Problem / Contact Us | Printable Version